sexta-feira, 29 de abril de 2011

A Colina Silenciosa...

Já falei sobre alguns lugares mal assombrados na vida real né? Então, hoje levo vocês à um endereço diferente... Silent Hill...
Silent Hill foi criado pela Konami, e lançado pelo mundo afora em 1999, alguns anos depois do marco na história dos games de terror, Resident Evil... Ao contrário do game precursor, Silent Hill nunca focou no conhecido... Não, em Silent Hill, as coisas funcionam de modo diferente, o terror é psicológico, você não sabe direito o que são as coisas que enfrenta... E isso meu amigo... Isso é terror...
A cidade de SH (Silent Hill) sempre fora uma cidadezinha normal norte americana, daquelas bastante pitorescas. Localizada a margem do lago Toluca em algum ponto dos Estados Unidos. Diversas pistas nos games da série indicam o estado do Maine.
Ok, agora você tem a localização de SH... Mas qual delas?
Silent Hill
A SH normal, envolta pela neblina, e coberta por criaturas estranhas pode ficar nesse endereço que explicamos acima... Todavia, não existem informações 100% concretas.
Silent Hill Negra

Alessa, no filme Silent Hill, o melhor filme baseado em game em todos os tempos...
Digamos que você chegou a cidade, não viu nenhuma criatura esquisita nem nada do tipo... Em questão de segundos anoitece enquanto pode-se  ouvir sirenes à distância. Caso você tenha uma lanterna, poderá ver abaixo dos seus pés estruturas metálicas enferrujadas, as paredes também foram substituídas por essas estruturas... Carcaças, não pode-se ver se são humanas, podem ser vistas amarradas por arame farpado... Pedaços de carne estão espalhados pelo chão...
Silent Hill é desse jeito devido ao culto antigo ao deus Samael e a monstruosidade causada a pequena Alessa Gillespie, pela sua própria mãe... Dahlia, líder do culto.
Dahlia ofereceu sua própria filha, então com sete anos e acusada de bruxaria pelas colegas de escola, em sacrifício para trazer Samael a este mundo. A lenda dizia que Samael só poderia vir a este mundo pelo sofrimento de uma criança, mas algo não deu certo, e o incendio se alastrou rapidamente, tocando o terror na cidade... Isso não impediu que Alessa torrasse na fogueira... Um caminhoneiro que passava pela cidade viu o prédio em chamas e entrou rapidamente oferecendo ajuda, encontrou a pequena Alessa e a tirou dos escombros, apenas para desmaiar quando já estava em segurança...
Quando Travis (o nosso herói) acordou, Alessa já estava muito bem escondida do resto do mundo...
O que poucos esperavam que tranqüilidade depois do grande incêndio sobreviveram apenas para ver a fúria de Alessa, com 100% do corpo queimado,  se manifestar fisicamente... Os monstros, a mudança repentina da cidade... Tudo vem do ódio de Alessa pelo povo da cidade...

O presente de Alessa para Dahlia, a manifestação física de Samael, conforme a imaginação da própria Dahlia...
Mas já me estendi demais, só que era necessário explicar a história de Alessa, para se entender o horror de Silent Hill...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Publicidade